2005/03/01

PARADOXOS

Aqui mesmo ao lado do meu trabalho há um café onde costumo ir a meio da manhã para reforçar a dose de cafeína diária. Uma das muitas curiosidades que encontro neste estabelecimento é de que uma bica ainda custa 0,40 €! Notável!

Hoje, como é hábito, fui lá e enquanto saboreava o café, não pude deixar de ouvir uma conversa entre a dona do dito e uma cliente, que rodaria os 70 anos de idade. O que eu ouvi deixou-me absolutamente estupefacta, admito.

Defendia a cliente o regresso à lavoura como medida de impedir o agravamento da crise, argumentando que todos os jovens deviam saber plantar e cavar a terra. Até aqui nada de anormal, claro…

De repente, numa tirada absolutamente notável, a senhora recorda um filme que viu em que na Rússia “até os médicos tinham de dar 3 horas diárias de trabalho à agricultura!” e continuou: “imagine que os médicos ganhavam menos que um funcionário do Estado!”.

Quando terminei o café tive de passar pela mesa onde estava a cliente e não pude deixar de notar que esta ostentava ser católica, pois tinha o crucifixo bem visível ao peito, e tinha uma aparência honesta, sem grandes luxos.

O meu pensamento enquanto transpunha a porta era de interrogação: será que aquela senhora associa aqueles russos que ela defendia aos russos comunistas que “comiam crianças ao pequeno-almoço”? Fiquei baralhada com o paradoxo ideológico!

A vila onde trabalho é essencialmente rural e com uma forte influência por parte da Igreja Católica, por isso me espantei tanto com a conversa…

2 Comentários:

Blogger o ferpô feio disse...

prometo-te um blog fora do normal.
muito bom....
vê este link:
http://razao-tem-sempre-cliente.blogspot.com/2005/02/razo-dos-agricultores.html

a ana do 2º esquerdo

1/3/05 12:44  
Blogger Label This! disse...

LOLOL

Está bem visto! ;)

1/3/05 13:05  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial